Rádio Alto Minho

PUBLICIDADE

Rádio Alto Minho - INSOMNIA
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Rádio Alto Minho - Roady
Rádio Alto Minho - Misturacor
Locutor
No Ar

Rádio Alto Minho

Miguel Ribeiro nos Jogos Olímpicos é a meta da Câmara, clube, IPVC e privados

de Andrea Cruz (RAM)

atualizada às 12:12,Sex, Novembro, 2017

PUBLICIDADE

Levar o atleta de Viana do Castelo Miguel Ribeiro aos jogos Olímpicos, em 2020, é a meta estabelecida no protocolo de colaboração desportiva que junta a Câmara, o Clube de Atletismo Olímpico Vianense (CAOV), a Escola Superior de Desporto e Lazer (ESDL), o grupo Quercia e a empresa Carlos Cambão Interiores.

Natural de Viana do Castelo, o atleta de 30 anos, iniciou o percurso desportivo em 2001 no Cyclones Atlético Clube, da antiga campeã Manuela Machado, a partir de 2008 representou o Sporting de Braga, no qual foi treinado por Sameiro Araújo, tendo regressado à terra natal, onde, desde 2011, veste as cores do Olímpico Vianense.

Este ano, venceu a EDP-Corrida de São João de Braga, o Grande Prémio de Santo Tirso, foi segundo na 35ª meia maratona internacional de Macau, entre outras competições.

Em 2016 sagrou-se vice-campeão de Portugal nos 10.000 metros que lhe valeu, nesse ano, a primeira convocatória à seleção nacional

A colaboração do município de Viana do Castelo no plano, que se traduz num apoio financeiro de 400 euros por mês, foi aprovada, esta quinta-feira, por unanimidade, em reunião ordinária do executivo municipal.

Além da participação de Miguel Ribeiro nos Jogos Olímpicos de Tóquio, o plano de treino desportivo que junta aquelas entidades visa também, o apuramento do atleta para o Campeonato da Europa em 2018, o Campeonato Mundial em 2019 e o Campeonato da Europa em 2020.

 

“O atleta Miguel Ribeiro, no âmbito da atividade da modalidade de atletismo que desenvolve e dos quadros competitivos em que participa, tem revelado elevadas capacidades físicas, técnicas e psicológicas que se tem traduzido em resultados desportivos relevantes na representação do concelho, o que lhe permite almejar um mais elevado nível de prestação desportiva, e concomitantemente, poder vir a integrar a representação nacional em competições de nível europeu e mundial”, lê-se no protocolo agora aprovado pelo autarquia.

No documento, o município adianta que “o Clube de Atletismo Olímpico Vianense, detentor de uma equipa técnica especializada, permite criar condições mais favoráveis a uma melhor preparação do atleta na vertente técnica e física, potenciando-lhe, assim, um maior êxito nas várias competições Nacionais e Internacionais”.

Para a Câmara de Viana do Castelo, “o atleta Miguel Ribeiro, pelo perfil técnico e desportivo que tem revelado, poderá, se reunidas melhores condições de trabalho, atingir resultados que lhe permitam uma melhor performance desportiva nas principais competições nacionais e internacionais”.

Nesse sentido, considera que “para a progressão do seu percurso desportivo se torna indispensável garantir as condições de enquadramento necessárias ao desenvolvimento de um plano de trabalho/treino específicos”.

“As vantagens e as sinergias que decorrem de um esforço articulado permitem condições mais favoráveis à concretização de um plano de treino específico do atleta Miguel Ribeiro. A participação de um atleta ao mais alto nível competitivo será reconhecida como importante fator de desenvolvimento desportivo, gerador de um invulgar impacto no plano social, gera um interesse e entusiasmo pelo desporto que acaba por contribuir para a generalização da prática desportiva”, lê-se no protoloco.

No acordo, a Câmara de Viana do Castelo compromete-se a transferir para o Clube de Atletismo Olímpico Vianense uma verba mensal de 400 euros, durante a época desportiva de 2017/2018, entre o dia 1 de outubro de 2017 e 31 de agosto de 2018, para comparticipação nas despesas correspondentes nos custos do projeto.

Aquele valor “será assegurado, mensalmente pelo município, contra a entrega de relatório técnico trimestral, constando a descrição das provas em que participou, e outros elementos essenciais como assiduidade e conforme plano de trabalho entregue na Câmara Municipal”.

O CAOV “obriga-se, a prestar todo o apoio logístico ao atleta no treino e na participação no quadro competitivo identificado e a remeter trimestralmente ao município o respetivo relatório técnico”.

“Compromete-se a assegurar a participação do atleta nas competições nacionais e internacionais bem como o acesso aos recursos/serviços de medicina desportiva necessários à sua preparação”, adianta o acordo.

Já o grupo Quercia “obriga-se a prestar ao atleta todo o apoio na área da medicina desportiva, nomeadamente na nutrição e acompanhamento psicológico durante a vigência do presente contrato”.

À empresa Carlos Cambão Interiores compete “disponibilizar uma dotação de 200 euros, por mês, para o apoio ao atleta Miguel Ribeiro”.

A Escola Superior de Desporto e Lazer, “detentora de uma equipa técnica especializada, obriga-se a criar condições mais favoráveis a uma melhor preparação do atleta nas vertentes de controlo, avaliação e monotorização do plano de treinos”.

O atleta Miguel Ribeiro fica obrigado a “cumprir integralmente o plano de formação/treino definido e validado pelo CAOV, a articipar no quadro de provas nacionais e internacionais definidos pelo CAOV e a participar em ações de sensibilização desportiva promovidas pelo município”.

O protocolo agora aprovado pela Câmara de Viana do Castelo “cessará imediatamente se o atleta abandonar por iniciativa própria ou a favor de terceiros, o programa de preparação definido e/ou se o CAOV – Clube de Atletismo Olímpico Vianense e o município concluírem não haver condições que justifiquem a sua continuidade”.

O documento diz ainda que “no final da época desportiva de 2017/2018 (Agosto) os outorgantes, após a aferição do desenvolvimento do processo e resultados obtidos decidirão sobre a renovação do presente protocolo para a época seguinte e respetivas condições”.

O acordo vai ainda apoiar os planos de treino desportivo de preparação dos atletas Marcos Maio na disciplina de salto em altura (campeão nacional juvenil e júnior) e Miguel Pereira da disciplina de barreiras (campeão nacional 60m barreiras – juvenis, campeão nacional 110m juniores, ambos do Olímpico Vianense.

FOTO:Manuel José Pereira de Almeida

RAM -
RAM -
RAM -

PUBLICIDADE

Blisq Creative