EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Nacional

Amigos do Hospital de Viana já encomendaram novo mamógrafo para “servir melhor” mulheres com cancro da mama

Andrea Cruz

06 Maio 2019, 11:07

Acessibilidade

Publicidade

A Liga dos Amigos do Hospital de Viana do Castelo já conseguiu reunir 50% do valor do mamógrafo digital, com estereotaxia, para "servir melhor" as mulheres que sofrem de cancro da mama. O aparelho deve estar a funcionar no hospital de Santa Luzia dentro de duas semanas. A campanha de angariação dos cerca de 100 mil euros necessários para a aquisição do aparelho continua porque ainda falta juntar cerca de 46.125.

O presidente da Liga dos Amigos do Hospital de Viana, Defensor Moura, adiantou ter chegado a “acordo com a empresa fornecedora do aparelho para pagar, numa primeira fase, um montante total de 92.500 euros, 25% com a encomenda, mais 25% quando o mamógrafo estiver instalado e a funcionar, e os restantes 50% até final de novembro”.

“Como já recebemos donativos suficientes para pagar 50% do custo do aparelho decidimos fazer a encomenda imediatamente, para começar o mais rapidamente possível a reduzir o sofrimento das mulheres com cancro da mama”, sublinhou.

O novo equipamento vem substituir o “velho” existente na unidade, que “avaria com frequência”, causando “adiamentos de mamografias e de intervenções cirúrgicas programadas, com nefastas consequências para o equilíbrio psicológico das doentes”.

A aquisição do aparelho de mamografia digital, com estereotaxia, “evitará que, todos os anos, mais de 100 mulheres tenham de se deslocar ao Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto para a realização de biopsias e colocação do arpão de localização pré-operatória dos tumores da mama”.

O médico especialista em medicina interna, já reformado, antigo presidente da Câmara de Viana do Castelo e fundador da liga referiu a encomenda foi feita “depois dos técnicos hospitalares terem analisado as propostas de quatro empresas e terem elaborado um relatório escolhendo o modelo desejado”.

“A escolha dos técnicos hospitalares teve o aval do presidente do conselho de administração da Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM)”, destacou.

Defensor Moura realçou que a verba até agora recolhida resultou de “doações de muitas dezenas de beneméritos, cidadãos, empresas e até uma instituição bancária, com montantes que variam desde alguns euros a alguns milhares de euros”.

“Estamos perfeitamente confiantes no sucesso desta campanha de solidariedade para com as mulheres com cancro da mama, para reduzir o seu sofrimento nas repetidas viagens ao Porto e para realizar aqueles exames e biópsias no hospital”, adiantou.

Defensor Moura reforçou que a campanha de angariação de fundos continua a decorrer “porque ainda faltam os restantes 50%, cerca de 46.125 euros”.

Publicidade

Rádio Alto Minho - Census – noticia
Rádio Alto Minho - Queima do Judas 2019
Rádio Alto Minho - BLISQ CREATIVE – Soluções de Web design, Publicidade e Marketing
Rádio Alto Minho - Festa do Mel (noticias)
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat

Publicidade

Rádio Alto Minho - Rocha Pneus (noticias)
Rádio Alto Minho - Keyframe (notícias)
Rádio Alto Minho - Nobre Movel
Rádio Alto Minho - Auto Araujo
Rádio Alto Minho - Taqi

Siga-nos

Comentários

Publicidade