EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Câmara de Viana compra quadro “Havemos de ir a Viana” da neta de Homem de Mello para o Museu do Traje

Rádio Alto Minho

14 Agosto 2019, 18:55

Acessibilidade

Publicidade

O presidente da Câmara de Viana do Castelo comprou, hoje, por 1.400 euros uma tela inspirada no poema de Pedro Homem de Mello, imortalizado pela fadista Amália Rodrigues e pintada pela neta do poeta, professor e folclorista português e anunciou que vai colocar o obra no Museu do Traje.

“Viana do Castelo passa a estar associada não só ao poema de Pedro Homem de Mello, como ao fado imortalizado por Amália Rodrigues e, agora à tela pintada pela descendente, num verdadeiro ciclo artístico”, referiu José Maria Costa, na pré-abertura da exposição intitulada “Havemos de ir a Viana”, de Mariana Homem de Mello.

O autarca socialista, disse que o Museu do Traje, é o espaço “ideal” para guardar a obra.

“É um museu que faz a exaltação do nosso Traje à Vianesa e é o melhor local para ficar exposto. Uma memória da nossa identidade e da nossa cultura”, adiantou.

A pintora de 45 anos, que expõe pela primeira vez em Viana do Castelo a convite da galeria de arte da Fundação Caixa Agrícola do Noroeste, disse sentir-se “muito honrada” com o destino que a câmara da capital do Alto Minho vai dar à obra.

“Foi a melhor coisa que me podia ter acontecido. É como se deixasse um bocadinho de mim, aqui (Viana do Castelo) para sempre. Acho que o meu avô ia ficar muito contente”, afirmou Mariana Homem de Mello.

A artista explicou que a família “é natural do Porto, mas com “fortes ligações a Viana do Castelo e ao Minho”.

“Somos do Porto, mas a nossa terra é Viana. O lugar de Cabanas, em Afife, onde o meu avô tinha a casa e escreveu grande parte da sua obra. Moledo, em Caminha, terra da minha mãe. Era aqui que eu passava os três meses de férias de verão. Fui muito feliz e desses tempos guardo as melhores memórias de sempre”, afirmou.

A pintora explicou que parte da mostra hoje inaugurada, composta por 19 telas, é uma “homenagem” ao avô e, a outra “metade”, apresenta quadros inspirados “nos trajes regionais e no Minho, com toda a sua cor e energia”.

A exposição da neta de Homem de Mello vai estar patente até 27 de setembro na galeria de arte da Fundação Caixa Agrícola do Noroeste.

Publicidade

Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Rádio Alto Minho - BLISQ CREATIVE – Soluções de Web design, Publicidade e Marketing
Rádio Alto Minho - Festa do Mel (noticias)
Rádio Alto Minho - Lusomotor (noticias individual)
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - Rocha Pneus (noticias)
Rádio Alto Minho - Auto Araujo
Rádio Alto Minho - Keyframe (notícias)
Rádio Alto Minho - Taqi
Rádio Alto Minho - Nobre Movel

Siga-nos

Comentários

Publicidade