EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Câmara de Viana vai invocar “interesse público” para prosseguir com abate de plátanos no Cabedelo

Rádio Alto Minho

14 Setembro 2020, 16:03

Acessibilidade

Publicidade

A Câmara de Viana do castelo anunciou hoje que vai invocar o interesse público para retomar a obra que implica o abate de 20 plátanos na avenida do Cabedelo. A associação de moradores avançou com o embargo extrajudicial da empreitada, que faz parte da construção dos acessos rodoviários ao porto de mar de Viana do Castelo.

“Vamos defender o levantamento do embargo invocando o relevante interesse público da obra. Esta não está a afetar nenhum bem particular, foi objeto de discussão pública, o próprio traçado está previsto no Plano Diretor Municipal (PDM) e em plano de urbanização, tendo sido sujeito a um processo de avaliação de impacto ambiental. Nós cumprirmos todos os requisitos legais”, afirmou o Presidente da Câmara de Viana do Castelo, José Maria Costa, referindo que as árvores em causa “não estão classificadas e não são espécie protegida”, pelo que considerou “não existir nenhum tipo de atentado ambiental”.

Em causa está a construção, iniciada em fevereiro de 2019, de novos acessos (8,8 quilómetros) ao porto comercial e ao nó da Autoestrada 28 (A28) em São Romão de Neiva, permitindo retirar os veículos pesados do interior de vias urbanas.

 

Fotografia: Rui Manuel Fonseca

Publicidade

Rádio Alto Minho - Decisões e Soluções
Rádio Alto Minho - Census – noticia
Rádio Alto Minho - RETOMA RAM

Publicidade

Rádio Alto Minho - Perspetiva [João] (notícias)
Rádio Alto Minho - 100% ProAuto

Siga-nos

Comentários

Publicidade