EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Nacional

Empresa australiana desistiu de fazer prospeção de lítio no Alto Minho

Andrea Cruz

03 Maio 2019, 13:35

Acessibilidade

Publicidade

A empresa australiana Fortescue, que requereu a prospeção de lítio na zona de Fojo, que abrange os concelhos de Monção, Melgaço e Arcos de Valdevez, desistiu do pedido e comunicou a decisão à Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG).

Os representantes legais da Fortescue Metals Group Exploration pty em Portugal comunicaram à DGEG a “desistência do pedido e do respetivo procedimento” para a denominada zona de Fojo, que abrange os concelhos de Monção, Melgaço e Arcos de Valdevez, no distrito de Viana do Castelo.

No documento, datado de 30 de abril, enviado à divisão de minas, a advogada Joana Silva Aroso “solicita a retirada imediata de toda a informação geoespacial relativa aquele pedido, constante do sistema de informação geográfica da DGEG”.

Em causa está um requerimento para atribuição de direitos de prospeção e pesquisa de depósitos minerais na área denominada Fojo apresentado à DGEG pela empresa australiana Fortescue Metals Group Exploration pty.

O aviso do pedido de prospeção e pesquisa foi publicado em março em Diário da República (DR).

As autarquias dos três municípios abrangidos por aquele pedido apresentaram uma “contestação conjunta” junto da DGEG, exigindo o indeferimento do pedido da empresa australiana.

Na sequência da publicação em DR daquele aviso foi criado um movimento cívico.

Foto: Garcias – Montanhas de Portugal

Publicidade

Rádio Alto Minho - Festa do Mel (noticias)
Rádio Alto Minho - BLISQ CREATIVE – Soluções de Web design, Publicidade e Marketing
Rádio Alto Minho - Queima do Judas 2019
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - Nobre Movel
Rádio Alto Minho - Taqi
Rádio Alto Minho - Auto Araujo
Rádio Alto Minho - Keyframe (notícias)
Rádio Alto Minho - Rocha Pneus (noticias)

Siga-nos

Comentários

Publicidade