Estamos a melhorar a sua experiência no nosso site.
Novidades brevemente!

Rádio Alto Minho

PUBLICIDADE

Desentupimentos e Limpeza de Fosas, Assistência a Caldeiras, Detecção de Fugas de ÁguaDesentupiemntos Industriais e DomésticosAssistência Cladeiras e Esquentadores
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Rádio Alto Minho - Roady
Rádio Alto Minho - INSOMNIA
Locutor
No Ar

Rádio Alto Minho

Festas das Cruzes e dos Andores floridos começam esta sexta-feira em Alvarães

de Andrea Cruz (RAM)

atualizada às 19:33,Qui, Maio, 2018

PUBLICIDADE

As  Festas de Santa Cruz e dos Andores Floridos começam, esta sexta-feira, em Alvarães. Famosas pela tradição da confeção dos andores floridos, verdadeiras obras de arte popular, feitos com “milhares de pétalas frescas e folhas variadas”.

Manda a tradição, que remonta a 1946, que as pétalas das flores utilizadas na confeção dos andores sejam colhidas nos montes de Viana do Castelo e coladas uma cola feita à base de farinha que garante a humidade necessária para que as pétalas se aguentem vários dias “viçosas e coloridas”.

Um trabalho minucioso que através da conjugação das cores e texturas das pétalas forma desenhos temáticos, transformando os andores em verdadeiras obras de arte popular, com motivos religiosos, paisagísticos e monumentais.

As pétalas são coladas com a cola “milagre”, como é conhecida. Feita à base de farinha, garante a humidade necessária para que as pétalas se aguentem vários dias “viçosas e coloridas”.

A confeção dos 11 andores, um por cada lugar daquela vila, junta normalmente no pátio da casa do mordomo gente de todas as idades e profissões, “unidas pela devoção” à padroeira e para não deixar “morrer” a tradição que começou em 1946.

 

Os andores floridos de Alvarães, desfilam no domingo, em procissão, aos ombros dos mordomos, sob o olhar atento e admirado de milhares de forasteiros que todos os anos se deslocam a Alvarães.

Foto: YouTube

RAM -
RAM -

PUBLICIDADE

Blisq Creative