EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Vila Nova de Cerveira acolhe 4 dias de tradição e valorização do artesanato

Pedro Xavier

14 Julho 2019, 12:51

Acessibilidade

Publicidade

Entre 18 e 21 de julho, 34 artesãos de Portugal e Espanha participam na terceira edição da BIA – Artes e Ofícios Tradicionais, em pleno centro histórico. Pelo forte cariz tradicional, este evento conta ainda com a realização de nove showcookings, três workshops temáticos e quatro concertos. Inauguração está marcada para as 16h00, da próxima quinta-feira.

Palco de fomento e dinamização de práticas e expressões culturais populares nacionais e internacionais, a BIA – Artes e Ofícios Tradicionais de Vila Nova de Cerveira assume-se como um espaço de intercâmbio singular que procura reavivar antigas tradições e costumes, preservando-as e harmonizando-as com a modernidade.

A terceira edição da BIA conta com uma programação diversificada e transversal a todos os públicos, proporcionando quatro dias de festa em torno da valorização do artesanato e das artes decorativas.

No Largo do Terreiro, 34 artesãos portugueses e espanhóis vão colocar à venda peças genuínas de áreas tão diversas como cestaria, cerâmica figurativa, artefactos em madeira, a arte em cobre, olaria, joalharia contemporânea, cosméticos artesanais, pintura, artigos de decoração, rendas e bordados.

À semelhança da edição anterior, está prevista a demonstração ao vivo da elaboração de cestos em vime e, na categoria de olaria, este ano está patente, na Loja do Crochet (Terreiro), a exposição para venda de peças da geração Ramalho, nomeadamente de António Ramalho que, por estes dias, está a conceber peças exclusivas para a BIA. O programa integra ainda a dinamização de três workshops de participação gratuita, dedicados ao Crochet, à Renda de Bilros (Goian, Tomiño) e à Fadas de Lã. O objetivo é transmitir conhecimentos de técnicas, incentivando à sua aprendizagem, em particular envolvendo as novas gerações.

Ao nível gastronómico, há nove participantes com propostas muito sugestivas dos sabores e hábitos alimentares característicos da região alto-minhota, como a confeção da Bôla de Sardinha, da Broa de Milho, do Bolo do Tacho, dos Biscoitos de Milho (demostração ao vivo), do Caldo Verde e da Cerveja Artesanal.

A animação também não foi descurada, havendo quatro concertos de música tradicional com quatro cabeças de cartaz que vão subir ao palco instalado na Praça do Alto Minho, a saber: Sons do Minho (dia 18), Cristina Sá (dia 19), 6TÀS9 (dia 20) e Sérgio Mirra (dia 21). Os espetáculos estão agendados para as 22h00, com exceção do sábado à noite que inicia uma hora mais cedo.

A inauguração da III BIA – Artes e Ofícios Tradicionais decorre às 16h00, da próxima quinta-feira, dia 18, prolongando-se até às 24h00, sendo o horário de funcionamento replicado no segundo dia, 19 de julho. Para o fim-de-semana, no sábado, dia 20 de julho, o evento decorre entre as 11h00 e as 24h00; e no último dia, entre as 11h00 e com encerramento às 23h00.

Publicidade

Rádio Alto Minho - Census – noticia
Rádio Alto Minho - Lusomotor (noticias individual)
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Rádio Alto Minho - BLISQ CREATIVE – Soluções de Web design, Publicidade e Marketing

Publicidade

Rádio Alto Minho - Reabilitar (noticias lateral 01)
Rádio Alto Minho - Reabilitar (noticias lateral 02)
Rádio Alto Minho - Taqi
Rádio Alto Minho - Auto Araujo
Rádio Alto Minho - CASTING RAM

Siga-nos

Comentários

Publicidade