Quantcast
EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Nacional

Infraestruturas de Portugal e Eixo Atlântico unânimes! Ligação à Galiza é a grande prioridade

Rádio Alto Minho

09 Fevereiro 2024, 15:10

Acessibilidade

Publicidade

O presidente da Infraestruturas de Portugal, Miguel Cruz, declarou, durante um discurso esta quinta-feira, que a prioridade do governo português é a ligação com a Galiza, sem rejeitar uma posterior ligação com Madrid.

Se me pergunta uma ligação Lisboa a Vigo ou Lisboa a Madrid, tenho vontade de dizer Lisboa – Madrid também”, respondeu Miguel Cruz, numa intervenção durante a 6.ª edição da Fábrica 2030, uma conferência organizada pelo ECO no Porto.

Apesar de reconhecer que “a ligação a Madrid também tem uma determinada importância”, no entanto esta linha “ser prioritária em relação à escolha Lisboa – Porto e Porto – Vigo, a resposta é não”.

Miguel Cruz adianta que “se quisermos planear já a ligação alta velocidade Lisboa a Madrid, a resposta é vamos a isso”. Contudo, o país já tem pela frente um “investimento pesado do ponto de vista financeiro, de capacidade da empreitada. Não podemos fazer tudo ao mesmo tempo. Precisamos ter este processo a correr bem e dentro dos prazos”.

Esta posição coincide com a manifestada pelo presidente do Eixo Atlântico, Luís Nobre, e pelo secretário-geral, Xoán Vázquez Mao, no dia 1 de fevereiro, na conferência de imprensa após a Assembleia Geral do Eixo Atlântico em Vila Nova de Famalicão, na qual afirmaram que “Lisboa, logicamente, terá que ter duas ligações, que não são incompatíveis, mas a ligação Lisboa – Porto – Vigo – Corunha é prioritária por ser a mais estruturante, tanto em Portugal como na Galiza”.

Da mesma forma, explicaram que “é a linha que liga todas as grandes cidades onde vive a maior parte da população, portos, aeroportos, universidades e centros tecnológicos e empresariais”.

Lembraram ainda que, relativamente a esta linha, o assunto está fechado e os procedimentos já começaram, pelo que os debates que surgiram recentemente que procuram o confronto de ambas as posições “são tão artificiais quanto estéreis e apenas respondem à situação política e eleitoral que se vive em Espanha em geral, e na Galiza, em particular”.

Neste sentido, o secretário-geral do Eixo Atlântico ratificou a posição de que o debate político em Espanha não pode interferir nem distorcer as decisões legítimas do governo português, que continuamente se vê obrigado a recordar o que já é um processo irreversível: a primeira linha será Lisboa-Galiza. “Logicamente, isto não é um obstáculo ao reforço da comunicação com outros pontos como Lugo e, especialmente, Ferrol, pois não devemos esquecer que a parte espanhola da linha se chama Ferrol-Fronteira Portuguesa“.

Publicidade

Breathe Viana

Publicidade

Rádio Alto Minho - Blisq Creative – Agência de Comunicação
Rádio Alto Minho - Casa Peixoto
Rádio Alto Minho - CAMADA NOTICIAS

Publicidade

Rádio Alto Minho - Petropneus NOTICIAS
Rádio Alto Minho - Census – noticia
Rádio Alto Minho - Hospital Particular 01

Publicidade

Rádio Alto Minho - Auto Valverde Geral
Rádio Alto Minho - VHC REMODELAÇÕES

Publicidade

Rádio Alto Minho - Rocha Pneus (noticias)

APP ALTO MINHO

APP - Rádio Alto Minho

Publicidade