EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Novo hotel do Cabedelo abre em abril de 2017 num investimento de 5 milhões de euros

Andrea Cruz

28 Abril 2016, 14:28

Acessibilidade

Publicidade

Vai chamar-se FeelViana e é o novo hotel de luxo que vai abrir portas na praia do Cabedelo em abril de 2017. O investimento de cinco milhões de euros vai criar 27 novos postos de trabalhos diretos . O mercado turístico do norte da Europa será a principal aposta.

“O Cabedelo é a melhor praia do país para a prática dos desportos náuticos e queremos afirmá-la como uma referência a nível europeu. O nosso mercado preferencial será o alemão, francês, inglês, sem descurar o espanhol”, afirmou hoje o promotor do empreendimento de 4 estrelas superior, José Sampaio.

O empresário, que falava a bordo do navio-museu Gil Eannes durante a conferência de imprensa de apresentação do projeto, adiantou que as obras de construção do hotel, comparticipadas em 3,4 milhões de euros por fundos comunitários do Portugal 2020, vão começar na segunda-feira, 02 de maio.

O projeto candidatado aos fundos europeus, da autoria do arquiteto Carlos Castanheira, recolheu “uma pontuação mérito de 4,53 pontos, a mais alta no âmbito deste concurso”.

O empreendimento turístico vai nascer em terrenos concessionados pela Câmara local, na frente marítima de Darque, na margem esquerda do rio Lima, sendo que a conclusão dos trabalhos está prevista para 04 abril de 2017, criando 27 postos de trabalho diretos.

José Sampaio adiantou que o hotel, que irá chamar-se FeelViana, é “diferenciador” por ser “especificamente vocacionado para a venda de pacotes de férias semanais com atividades desportivas incluídas”.

A nova unidade é, segundo o promotor, “o primeiro hotel em Portugal vocacionado para o turismo ativo e bem-estar que vai aproveitar as condições naturais que Viana do Castelo oferece para a prática de desportos ligados ao mar”.

Além de estabelecer parcerias com empresas locais que trabalham na área dos desportos náuticos, criando pacotes de férias ligados a este conceito, o responsável adiantou que o novo hotel vai utilizar os centros de remos, vela, surf e canoagem, já existentes na cidade.

“Vamos trabalhar com pacotes turísticos que contrariem a sazonalidade”, sustentou.

Com uma implantação total de 4.800 metros quadrados, o hotel, que vai ocupar cerca de 28% daquela área, “também é diferenciador”, sublinhou o empresário, “pelas soluções construtivas” previstas no projeto.

José Sampaio garantiu que a “sensibilidade ambiental” da zona “determinou a escolha de “materiais amigos do ambiente”.

O arquiteto Carlos Castanheira especificou que a unidade será construída com “madeira, muita madeira, algum vidro e um pouco de cobre”, para que no final da obra “pareça tudo como antes, de acordo com o local, o ambiente e a natureza”.

Com 46 quartos e nove bungalows, o projeto vai convidar à prática de desportos e de férias em família, incluindo um centro de atividades outdoor, um kid’s club, um espaço Spa, bem como um restaurante.

Para o presidente da Câmara Municipal, também presente no encontro com os jornalistas, o novo investimento “vai criar condições para que Viana possa potenciar o que de melhor a natureza deu à cidade”.

“A concessão deste espaço municipal é uma forma de valorizar o espaço e uma maneira de reforçar o investimento nos desportos náuticos”, sublinhou, destacando que o hotel vem “ao encontro da estratégia do município de transformar a capital do Alto Minho numa cidade náutica por excelência”.

 

Publicidade

Rádio Alto Minho - BLISQ CREATIVE – Soluções de Web design, Publicidade e Marketing
Rádio Alto Minho - RB MOTOR 1
Rádio Alto Minho - RB MOTOR 2
Rádio Alto Minho - Lusomotor (noticias individual)
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - Biojaq NOTICIAS individual
Rádio Alto Minho - QUEEN (individual)
Rádio Alto Minho - Fabrika (noticias 02)

Siga-nos

Comentários

Publicidade