Estamos a melhorar a sua experiência no nosso site.
Novidades brevemente!

Rádio Alto Minho

PUBLICIDADE

Desentupimentos e Limpeza de Fosas, Assistência a Caldeiras, Detecção de Fugas de ÁguaDesentupiemntos Industriais e DomésticosAssistência Cladeiras e Esquentadores
Rádio Alto Minho - INSOMNIA
Rádio Alto Minho - Roady
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Locutor
No Ar

Rádio Alto Minho

Produtores de Alvarinho de Monção e Melgaço investem 125 mil euros em promoção

de Andrea Cruz (RAM)

atualizada às 19:18,Qua, Fevereiro, 2018

PUBLICIDADE

Os produtores de vinho Alvarinho vão investir, este ano, 125 mil euros em ações de promoção daquela casta, “dentro da sub-região Monção e Melgaço, ao abrigo do acordo celebrado há três anos”. O anúncio foi feito hoje, em comunicado pela Associação de Produtores de Alvarinho (APA).

A APA, que representa 38 empresas da sub-região de Monção e Melgaço, explicou que o plano de promoção, “desenhado pelos produtores e executado pela CVRVV, inclui diversas ações no mercado nacional, abrangendo diversos públicos, bem como locais variados como garrafeiras, supermercados ‘gourmet’, feiras do setor e rede de ‘mupis'”.

Para o presidente da direção da APA recentemente reeleito, citado naquela nota, “os produtores sentiram que era o momento de alocar uma parte do orçamento para ações realizadas dentro da sub-região”.

“O setor do vinho precisa de viver em sintonia com o seu território, e neste momento a notoriedade externa de Monção e Melgaço deve ser capitalizada, trazendo cada vez mais turistas a este território de excelência”, sustenta Miguel Queimado.

De acordo com a APA, “os produtores, em parceria com as Câmaras de Monção e Melgaço, irão investir na organização da prova desportiva ‘Monção e Melgaço, Granfondo’, que prevê atrair cerca de 2.000 participantes”.

“Paralelamente, os produtores irão também investir na organização de um evento de vinhos brancos, onde estarão presentes os produtores mais conceituados do setor do vinho, quer de diversas regiões portuguesas, quer de diversos países como Espanha, França, Alemanha e Itália”, adiantou.

Com aquele evento, os produtores “pretendem atrair público especializado, que aproveite a visita a Monção e Melgaço para conhecer o que de melhor a região tem para oferecer”.

“Os produtores estão perfeitamente articulados na estratégia a seguir, estando em cima da mesa a preparação de ações de abordagem coletiva ao mercado externo”, adiantou Miguel Queimado.

O acordo do vinho Alvarinho, alcançado em 2015,  prevê a utilização pelos produtores de Monção e Melgaço de um “selo de garantia”. Determina ainda um período transitório de seis anos durante o qual Monção e Melgaço, concelhos que juntos constituem a sub-região que até agora detinha a exclusividade de produção de Alvarinho, vão dispor de um montante de três milhões de euros para investir em promoção.

RAM -
RAM -
RAM -
RAM -

PUBLICIDADE

Blisq Creative