Quantcast
EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

VIANA: Empresas alcançam 2.500 milhões de euros de volume de negócios

Rádio Alto Minho

03 Fevereiro 2023, 22:48

Acessibilidade

Publicidade

As empresas de Viana do Castelo alcançam, atualmente, um volume de negócios de 2.500 milhões de euros, sendo que o total das exportações do concelho já ultrapassou a fasquia dos 1.000 milhões de euros, o que corresponde a mais do dobro da média nacional para este volume de negócios.

Os números foram apresentados esta sexta-feira, na abertura da conferência “Crescimento e sustentabilidade em Viana do Castelo” que reuniu especialistas e empresários de diversos setores existentes no concelho, nomeadamente cluster automóvel, energias renováveis, reabilitação urbana, turismo, entre outros.

Na abertura da conferência, o presidente da Câmara de Viana do Castelo, Luís Nobre, assegurou que Viana do Castelo está a promover “uma viagem no sentido do
desenvolvimento sustentável e que crie oportunidades e riqueza”.

“Somos hoje um território robusto, sustentável, que concretiza a cada dia a sua estratégia e que trilha um caminho bem definido e ambicioso, em domínios de futuro, como sejam as diversas oportunidades em torno da economia do mar”, disse o edil.

O autarca valorizou os diferentes setores que têm conquistado importância no concelho vianense, nomeadamente o cluster automóvel, o cluster das energias renováveis, o cluster do papel e a metalomecânica, assegurando que “queremos apoiar os setores já instalados e acolher da melhor forma todos os empresários que escolhem Viana do Castelo para investir e trabalhar”.

Frisou ainda a importância da economia do mar, das energias renováveis e do offshore, enquanto fatores de atratividade e de diferenciação do concelho, recordando o projeto Windfloat e o investimento que a Corpower está a promover no concelho, “afirmando este cluster das energias renováveis que estamos a trabalhar”.

“Estes novos desafios vão trazer necessidades que precisam de escala e que só em consórcio, trabalhando em rede, seremos capazes de conquistar”, declarou.

O autarca destacou os “fatores de competitividade que temos vindo a trabalhar”, nomeadamente a ferrovia e o papel que esta pode ter no nosso futuro, bem como o nosso Porto de Mar.

“Estamos atualmente a trabalhar com a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo para determinar qual pode ser futuramente o papel do nosso Porto de Mar e a redefinir o seu perfil, para que possamos trabalhar as suas condições de desenvolvimento e de crescimento”, afirmou Luís Nobre.

Publicidade

Breathe Viana

Publicidade

Rádio Alto Minho -
Rádio Alto Minho - Casa Peixoto
Rádio Alto Minho - Blisq Creative – Agência de Comunicação
Rádio Alto Minho - Camitintas

Publicidade

Rádio Alto Minho - Petropneus NOTICIAS
Rádio Alto Minho - Hospital Particular 01
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - VHC REMODELAÇÕES
Rádio Alto Minho - Auto Valverde Geral

Publicidade

APP ALTO MINHO

APP - Rádio Alto Minho

Publicidade