Quantcast
EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Regional

Câmara de Ponte da Barca investe mais de 830 mil euros na reabilitação de escolas

Fernando Serrão

13 Setembro 2023, 21:49

Acessibilidade

Publicidade

Já arrancaram as obras de beneficiação das Escolas Básica Diogo Bernardes e Secundária de Ponte da Barca, um investimento no montante global de mais de 830 mil euros.

Trata de uma intervenção de vulto, que se vai traduzir numa remodelação das cozinhas e refeitórios dos dois estabelecimentos de ensino, e ainda na beneficiação de polivalentes, das condições de mobilidade do recreio exterior e proteção lateral do recreio coberto da Diogo Bernardes.

Com um prazo de execução até ao final deste ano de 2023, só agora foi possível iniciar as obras devido ao valor da empreitada e a um conjunto de procedimentos exigidos num processo desta dimensão.

Tendo em conta o desenrolar das atividades letivas, foi tomado um conjunto de medidas no sentido de aliviar os constrangimentos que a realização de obras sempre acarreta, de tal modo que, com a colaboração e o compromisso pró-ativo de todas as partes envolvidas, será possível gerir esta situação de forma adequada.

A empresa que adjudicou os trabalhos vai fazer um esforço acrescido, reduzindo o prazo da intervenção para quatro meses, em vez dos seis inicialmente previstos, e foi montada um cozinha e uma cantina no pavilhão desportivo da Diogo Bernardes, que, para o efeito, foi devidamente adaptado.

Fica assim garantida a qualidade de um serviço que os responsáveis pela educação consideram muito importante e que tem a ver com a confeção própria das cerca de 650 refeições que, diariamente, são servidas nas duas escolas de Ponte da Barca.

Concretização de um sonho de décadas

Concluída esta empreitada – que tem apoio comunitário no valor de 436 mil euros –, as Escolas Básica Diogo Bernardes e Secundária de Ponte da Barca vão conhecer um salto qualitativo, passando a dispor de cozinhas devidamente remodeladas e equipadas de acordo com os mais recentes padrões de exigência.

De facto, os equipamentos até agora ao serviço da comunidade escolar remontavam, em termos genéricos, aos anos oitenta e noventa do século passado, situação que, associada ao seu elevado uso, colocava à vista um conjunto de fragilidades.

Com esta intervenção, que exige um grande esforço financeiro ao Município, a Secundária passará a dispor de instalações remodeladas no edifício onde se localizam a cozinha, o refeitório e o polivalente, enquanto na Diogo Bernardes os trabalhos de beneficiação, para além dos espaços da cozinha e do refeitório, incidirão ainda na vertente da mobilidade do recreio exterior e na proteção lateral do recreio coberto.

A reabilitação tratará também da melhoria das condições de higiene, salubridade e segurança das duas cozinhas (infraestruturas e equipamentos), bem como do que diz respeito ao comportamento acústico e energético passivo, potenciando a eficiência energética dos sistemas de aquecimento e melhoria dos níveis, conforto de iluminação interior e mobiliário de apoio.

Vão ainda ser intervencionadas questões de mobilidade nos espaços exteriores de ambas as escolas, através da eliminação de barreiras arquitetónicas, e ainda no espaço do recreio coberto da Diogo Bernardes, para possibilitar o seu uso pleno, quer de inverno quer de verão.

Sempre a aposta na educação

Este intervenção representa um esforço financeiro muito grande e só se compreende tendo em conta a forte aposta da Câmara Municipal na educação, uma área que o Executivo considera prioritária.

Segundo Augusto Marinho, “a aposta na formação e educação das pessoas constitui o melhor investimento que se pode fazer, porque são as pessoas que representam a grande mais-valia de uma sociedade democrática.”

É neste contexto que se insere as obras em curso, na medida em que “a escola é o lugar onde crianças e jovens passam uma grande parte do seu dia e, portanto, um ambiente saudável e confortável é fundamental para o seu bem-estar e para a qualidade da sua aprendizagem”, refere o Presidente da Câmara Municipal, acrescentando que “este referencial de conforto do espaço físico deve ser também estendido ao período das refeições, momento de grande importância, não só numa perspetiva nutricional, mas também social”.

Daí que caiba à escola a responsabilidade acrescida de oferecer refeições saudáveis, que ajudem a preencher as necessidades nutricionais das crianças e jovens do nosso Concelho, mas também proporcionar condições para que essas refeições sejam servidas num ambiente agradável e acolhedor, com conforto, segurança e bem-estar.

Publicidade

Breathe Viana

Publicidade

Rádio Alto Minho - Auto4You 2
Rádio Alto Minho - Casa Peixoto
Rádio Alto Minho - Blisq Creative – Agência de Comunicação
Rádio Alto Minho - Camitintas
Rádio Alto Minho -

Publicidade

Rádio Alto Minho - Petropneus NOTICIAS
Rádio Alto Minho - Srª Peliteiro
Rádio Alto Minho - Decathlon
Rádio Alto Minho - Hospital Particular 01
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - VHC REMODELAÇÕES
Rádio Alto Minho - Auto Valverde Geral

Publicidade

Rádio Alto Minho - Casa Rocha Tien 21
Rádio Alto Minho - Sancho Panza Viana Grill

APP ALTO MINHO

APP - Rádio Alto Minho

Publicidade