EMISSÃO ONLINE
OUVIR..
Nacional

Concessão do castelo de Vila Nova de Cerveira com três empresas interessadas

Andrea Cruz

28 Agosto 2019, 14:21

Acessibilidade

Publicidade

Três empresas nacionais estão na corrida à concessão do castelo de Vila Nova de Cerveira. As propostas foram formalizadas durante o concurso público lançado pelo Instituto do Turismo de Portugal que decorrer entre 25 de julho e 27 de agosto.

O presidente da Câmara de Vila Nova de Cerveira, Fernando Nogueira explicou que as propostas das três empresas, ligadas aos sectores de hotelaria e restauração, vão agora “ser analisadas e, posteriormente, submetidas à apreciação do júri do concurso para a elaboração do relatório preliminar”.

As fases seguintes, passam pela realização de “uma audiência prévia, elaboração do relatório final e adjudicação”.

“A expetativa é a de que finalmente possa haver uma solução que valorize e dignifique o Castelo de Cerveira, o ex-libris do nosso concelho. Dando seguimento aos procedimentos necessários e aos prazos estabelecidos, é expectável que o processo possa estar concluído até ao final do ano”, referiu.

O castelo com origens no século XIII, foi mandado construir pelo rei Dom Dinis, e está classificado como monumento nacional. Até finais de 2008 funcionou a pousada com o mesmo nome. Na altura, enquanto Pousada de Portugal, integrava o grupo Pestana, que a encerrou a pretexto de obras de reabilitação.

Desde então, tanto o anterior executivo municipal como o atual têm tentado ultrapassar o impasse, face a várias manifestações de interesse de promotores privados e como forma também de travar o estado de degradação do imóvel.

O primeiro concurso para a concessão do imóvel foi lançado pelo Instituto do Turismo de Portugal, em janeiro, a que concorreram duas empresas, mas acabou “extinto”, por “razões administrativas”.

Em julho avançou nova tentativa, cujo prazo para a apresentação de propostas terminou às 23:59 de 27 de agosto, e a que concorreram três empresas.

“Esperamos que esta notícia seja a preparação da prenda de aniversário dos 700 anos da fundação de Vila Nova de Cerveira, que se assinala a 01 de outubro de 2021”, frisou o autarca Fernando Nogueira.

O imóvel, propriedade da Direção-Geral do Tesouro e Finanças (DGTF), é um dos 10 edifícios incluídos no programa Revive para serem concessionados a privados, com o compromisso de que sejam recuperados, reabilitados e acessíveis ao público.

Publicidade

Rádio Alto Minho - Lusitânea Seguros (NOTICIAS)
Rádio Alto Minho - MCostas – Seat
Rádio Alto Minho - BLISQ CREATIVE – Soluções de Web design, Publicidade e Marketing
Rádio Alto Minho - Lusomotor (noticias individual)
Rádio Alto Minho - Census – noticia

Publicidade

Rádio Alto Minho - Keyframe (notícias)
Rádio Alto Minho - Reabilitar (noticias lateral 01)
Rádio Alto Minho - Auto Araujo
Rádio Alto Minho - Reabilitar (noticias lateral 02)
Rádio Alto Minho - Taqi

Siga-nos

Comentários

Publicidade